Download E-books Menino de Engenho (100th Edition) PDF

By José Lins do Rego

About the writer (from Goodreads):

José Lins do Rego Cavalcanti (July three, 1901 in Pilar Paraíba - September 12, 1957 in Rio de Janeiro) was once a Brazilian novelist so much identified for his semi-autobiographical "sugarcane cycle." those novels have been the foundation of movies that had distribution within the English talking international. besides Graciliano Ramos and Jorge Amado he stands as one of many maximum regionalist writers of Brazil. in accordance with Otto Maria Carpeaux (Brazilian literary critic), José Lins was once "the final of the tale tellers". His first novel, Menino de Engenho ("Boy from the plantation"), used to be released with trouble, yet quickly it acquired praised by way of the critics.

Sobre o livro:

A 100° edição de Menino de Engenho é a primeira obra de José Lins do Rego que ganha novo projeto gráfico. Esta nova roupagem recupera as renomadas ilustrações de Santa Rosa e oferece ao leitor textos de apoio assinados por grandes nomes da literatura brasileira.

O romance de estreia de José Lins do Rego apresenta fortes traços autobiográficos. A obra relata a vida no Engenho Santa Rosa, com suas desigualdades e a permanência de traços da escravidão. O lirismo é uma das principais características de Menino de Engenho, que abrange a infância e a adolescência de Carlinhos, personagem critical do livro.

Show description

Read Online or Download Menino de Engenho (100th Edition) PDF

Best Literature books

Now and Forever: Somewhere a Band Is Playing & Leviathan '99

A journalist bearing bad information leaps from a still-moving educate right into a small city of fantastic, most unlikely secrets and techniques . . . The doomed group of a starship follows their blind, mad captain on a quest into inner most area to joust with future, eternity, and God Himself . . . Now and without end is a daring new paintings from an incomparable artist whose tales have reshaped America's literary panorama.

Out of Range: A Novel

From the writer of the hit tv sequence and not using a hint, Hank Steinberg's Out of variety is an action-packed mystery during which a husband searches for his lacking wife—a hunt that leads him right into a risky global of overseas espionage. Six years in the past in Uzbekistan, journalist Charlie Davis was once wounded whilst the govt fired on a bunch of protestors he was once masking on project.

My Education: A Book of Dreams

With My schooling: A booklet of desires William S. Burroughs pushes on into new territory, once more committing the unspeakable crime of wondering the truth constitution. goals have continuously been a wealthy resource of images in Burroughs' paintings. during this ebook they're a direct and strong strength. hundreds of thousands of goals - excessive, bright, visionary - shape the spiraling middle of a special and haunting trip into conception.

Sentimental Education (Penguin Classics)

One of many nice French novels of the nineteenth centuryBased on Flaubert's personal younger ardour for an older woman, Sentimental Education was defined by means of its writer as "the ethical heritage of the boys of my new release. " It follows the amorous adventures of Frederic Moreau, a legislations scholar who, returning domestic to Normandy from Paris, notices Mme Arnoux, a slim, darkish lady a number of years older than himself.

Additional info for Menino de Engenho (100th Edition)

Show sample text content

E o dr. Figueiredo não parava no lugar. Só ficava quieto lendo os jornais e os livros, que tinha muitos pela mesa. A mulher period quem me ensinava, quem tomava conta de mim. Uma vez a vi chorando, com os olhos vermelhos, e o dr. Figueiredo saindo de casa batendo a porta. E doutra, enquanto european ficava sozinho na sala com a minha carta na mão, ouvi no inside da casa um ruído de pancadas e uns gritos de quem estivesse apanhando. Compreendi então que a minha bela Judite apanhava do marido. Tive mesmo ímpeto de correr para a rua e chamar o povo para acudi-la. Mas fiquei quieto na cadeira, escutando-lhe o soluço abafado. Mais tarde ela chegou para me ensinar, e me abraçou e me beijou como nunca. Fiquei a pensar no que sofria a minha amiga, na convivência daquele homem magro e alto. E o meu coração sentiu-se cheio de uma afeição estranha pela sua mulher. period tão terna para mim, me punha no colo para me agradar, para me dizer que me queria um bem de mãe. european sentia o seu sofrimento como se fosse o meu. Foi ali com ela, sentindo o cheiro de seus cabelos pretos e a boa carícia de suas mãos morenas, que aprendi as letras do alfabeto. Sonhava com ela de noite, e não gostava dos domingos porque ia ficar longe de seus beijos e abraços. Depois mandaram-me para a aula dum outro professor, com outros meninos, todos de gente pobre. Havia para mim um regime de exceção. Não brigavam comigo. Existia um copo separado para ecu beber água, e um tamborete de palhinha para “o neto do coronel Zé Paulino”. Os outros meninos sentavam-se em caixões de gás. Lia-se a lição em voz alta. A tabuada period cantada em coro, com os pés balançando, num ritmo que ainda hoje tenho nos ouvidos. Nas sabatinas nunca levei um bolo, mas quando acertava, mandavam que desse nos meus competidores. european me sentia bem com todo esse regime de miséria. Os meninos não tinham raiva de mim. Muitos deles eram de moradores do engenho. Parece que ainda os vejo, com seus bauzinhos de flandres, voltando a pé para casa, a olharem para mim, de bolsa a tiracolo, na garupa do cavalo branco que me levava e trazia da escola. 15 O OUTRO MESTRE QUE european tive foi o Zé Guedes, meu professor de muita coisa ruim. Levava-me e trazia-me da escola todos os dias. E na meia hora que ficava com ele, de ida e volta, aprendi coisas mais fáceis de aprender que a tabuada e as letras. Contava-me tudo que period história de amor, sua e dos outros. — Ali mora Zefa Cajá. E lá vinha com os detalhes, com as coisas erradas da vida desta mulher. Às vezes parava na porta, e period uma conversa comprida, cheia de ditos e de sem-vergonhices. — Olha o menino, Zé Guedes! Ô homem desbocado! Mas ele pouco se importava comigo. ecu mesmo gostava de ouvir o bate-boca imundo. Pelo caminho o moleque continuava nas suas lições, falando de mulheres e de doenças do mundo. E nome por nome, ele dava de todas as doenças: cavalo, mula, crista-de-galo. Às vezes, da estrada, pediam para comprar coisas na vila: carretéis de linha, papel de agulhas. Zé Guedes entregava as encomendas, puxando conversas compridas com as mulatinhas.

Rated 4.27 of 5 – based on 5 votes